segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Manta de Retalhos













Os últimos raios e um verão que fugiu tão desesperadamente como chegou.
Os últimos gelados, os últimos refrescos, as últimas esplanadas antes da chuva a bater nas janelas e as canecas de chá que tanto parecem irritar os velhos do Restelo.
Até depois, verão. Podes demorar a voltar.

domingo, 2 de setembro de 2012

Feiras de velharias






Velhas. Cheias de pó. Cheias de histórias. Cheias de vida. Pedacinhos de passado que, aqui tão perto, nos podem vir parar às mãos. E nós, humildemente, podemos ser mais um personagem na sua estória, até os passarmos ao próximo. Podemos ter um papel no destino de objectos que, não raras vezes, falam tanto sem dizer nada.